Guloseimas deixam de estar à vista nas escolas

Novas recomendações da Direção Geral de Saúde vêm a público esta semana, no sentido de reforçar a necessidade das escolas não colocaram à vista dos seus educandos o conjunto de alimentos mais prejudiciais à saúde, frequentemente designados de guloseimas. Aqui constam todos os doces que geralmente se encontram nas montras de bares e bufetes escolares, mas também os tão apetitosos salgadinhos, como rissóis, pastéis de bacalhau, entre outros. Esta recomendação, que corrobora a legitimidade de semelhantes ações desenvolvidas pela LPPS no âmbito dos projetos Prosaude e Sorrir para a Saúde, poderá ser consultada no seguinte link.